Ato de Consagração e Desagravo

Virgem Santíssima e Mãe nossa querida, ao mostrardes o Vosso Coração cercado de espinhos, símbolo das blasfêmias e ingratidões com que os homens ingratos pagam as finezas do Vosso amor, pedistes que Vos consolássemos e desagravássemos. Ao ouvir as vossas amargas queixas, desejamos desagravar o Vosso doloroso e Imaculado Coração que a maldade dos homens fere com os duros espinhos dos seus pecados. De modo especial Vos queremos desagravar das injúrias sacrilegamente proferidas contra a Vossa Conceição Imaculada e Santa Virgindade. Muitos, Senhora, negam que sejais Mãe de Deus e nem Vos querem aceitar como terna Mãe dos homens. Outros, não Vos podendo ultrajar diretamente, descarregam nas vossas sagradas imagens a sua cólera satânica. Nem faltam também aqueles que procuram infundir nos corações das crianças inocentes, indiferença, desprezo e até ódio contra Vós. Virgem Santíssima, aqui prostrados aos Vossos pés, Vos mostramos a pena que sentimos por todas estas ofensas e prometemos reparar com os nossos sacrifícios, comunhões e orações tantas ofensas destes Vossos filhos ingratos. Reconhecendo que também nós, nem sempre correspondemos às Vossas predileções, nem Vos honramos e amamos como Mãe, suplicamos para os nossos pecados misericordioso perdão. Para todos quantos são Vossos filhos e particularmente para nós, que nos consagrarmos inteiramente ao Vosso Coração Imaculado, seja-nos Ele o refúgio durante a vida e o caminho que nos conduza até Deus. Assim seja.



Fabio Limeira - Fundador GMP